fbpx

RECUPERAÇÂO DE SENHA

Marcas com propósito

Assim como o senso de propósito vem permeando cada vez mais as nossas vidas, as marcas também têm passado a colocar o propósito no centro da gestão, considerando que o impacto social não está mais à margem do negócio mas tornou-se um fator fundamental para garantir sua longevidade.

É um contexto em que todos ganham: não existe a oposição entre lucro e propósito e, assumindo esse tipo de posicionamento, as marcas tornam-se mais humanas e próximas de seus públicos, compartilhando com eles responsabilidades como agentes de transformação. Afinal, as causas não são da empresa, mas da sociedade.
De fato as marcas podem fazer a diferença na defesa de causas — e nós esperamos isso delas. Mas também é verdade que estamos mais críticos e atentos a ações oportunistas.
Conheça algumas marcas que trabalham com propósito e senso de coletividade, investindo em um futuro melhor para todos:

O Baka Studio surgiu como desdobramento das experiências e pesquisas da antropóloga e artista Alice Buratto. Depois de viver alguns anos na Cidade do Cabo, na África do Sul, decidiu criar uma marca que promovesse o design étnico e as raízes culturais da identidade africana, apoiando artesãos que vivem em diferentes lugares do mundo.

A Vert Shoes produz tênis de maneira diferente: usa algodão agroecológico para fazer a lona dos tênis e tecidos de garrafas PET recicladas para criar uma malha inovadora. Para as solas, borracha da Amazônia. Tudo é feito no Brasil, com matérias primas compradas sob as regras do comércio justo.

Quando as sócias Luciana Navarro e Patrícia Camargo idealizaram a Care Natural Beauty, abraçaram a missão de transformar vidas através da beleza com base em sustentabilidade, performance e responsabilidade social. A marca de beleza orgânica e vegana lançada em 2017 une tecnologia com ativos naturais e botânicos e apoia causas nobres: mulheres que estão saindo de situações de vulnerabilidade social, jovens em busca de capacitação no mundo da beleza, redução de impacto ambiental e desenvolvimento de produtos livres de crueldade.

A Cacau e Curas nasceu pelas mãos de Carla Adduci, quando estava trabalhando como voluntária em uma ONG no coração da Mata Atlântica que tinha como objetivo resgatar a cultura dos povos caiçara, quilombola e indígena. Envolvida com a sabedoria desses povos, encontrou uma maneira de gerar renda para a comunidade, além de ajudar a conservar a mata. Para desenvolver uma linha de produtos artesanais voltados ao bem-estar e à cura caseira, fez parcerias com agricultores que respeitam o manejo como uma atividade econômica oposta ao desmatamento e usa de forma inteligente os recursos florestais por meio de técnicas de extração sustentáveis que preservam as espécies.

TOP